O Impacto das nossas atitudes

separator

Você já parou para pensar o quanto você se conhece? O quanto você sabe sobre si mesmo? Será que a “imagem” que você tem sobre si mesmo é a mesma que os outros tem de você? Será que você tem plena consciência de toda a sua capacidade, de tudo o que é capaz de fazer?!

Você já parou para pensar o quanto você se conhece? O quanto você sabe sobre si mesmo?

Será que a “imagem” que você tem sobre si mesmo é a mesma que os outros tem de você?

Será que você tem plena consciência de toda a sua capacidade, de tudo o que é capaz de fazer?!

Absolutamente não.

E falo isso com plena convicção, senão não existiria a Janela de Johari*

A janela de Johari é uma ferramenta usada em coaching para nos mostrar como a percepção tanto nossa em relação aos outros como a dos outros em relação a nós pode ser falha. Esta “falha” existe porque a nossa “visão” é baseada em “percepções” que nem sempre correspondem a realidade.

Segundo a Janela de Johari há “pontos cegos”, pontos que não “enxergamos” em relação aos outros e os outros em relação a nós, isto quer dizer que a probabilidade de termos uma visão “errônea” sobre os outros ou sobre nós mesmos é grande , porque nem tudo temos ciência ou percebemos com “clareza”.

Você já deve ter passado pela situação de ter de fazer algo, se sentir inseguro em relação a isso mas ir lá e fazer e tanto você quanto às outras pessoas se surpreenderem com o seu desempenho, ou você saber que dará conta, mas os outros se surpreenderem, por eles não saberem deste seu “talento”.

Nós não nos conhecemos suficientemente, nós mesmos não sabemos de tudo que somos capazes de fazer, que dirá os outros em relação a nós.

Aí eu me pergunto:

_ Então porque as relações de hoje em dia são tão baseadas no julgamento?!

Porque as pessoas, se baseando apenas num post que viram na internet, são capazes de amar ou odiar alguém?! Baseado em quê?!

Não seria algo leviano?! Irresponsável até agir assim?!

E se você pode até destruir a vida de alguém, porque agir assim?!

Há muitas perguntas sem respostas, há muita coisa sem explicação nos dias de hoje…

As pessoas não estão dispostas a aprender, a entender, a se auto-conhecer…

Simplesmente se baseiam em algo superficial, porque os relacionamentos hoje em dia são superficiais, as pessoas são superficiais….

Será que se você se auto-conhecer mais e se conhecer melhor os outros, se estiver disposto a não-julgar e sim procurar entender a atitude do outro mais profundamente e não apenas se basear no que “parece ser” apenas, será que as suas relações com outros não melhorarão?!

Será que a sua auto-estima não melhorará?!

Se você passar a se conhecer mais, você não estará mais “preparado” para o julgamento precoce dos outros em relação a você?!

Você não estará mais “forte” para conseguir “enfrentar” uma atitude preconceituosa em relação a você?

Mas para me auto -conhecer dá trabalho: terei que fazer coaching, terei que ler, terei que prestar mais atenção a cada frase dita por mim,a cada atitude tomada, reavaliá -las, pensar no porque agi daquela forma, pensar em mudar e ter coragem para tal.

É, realmente, tudo isto dá trabalho. Dá muito trabalho.

Mas, você é feliz sendo do jeito que você é?

Você tem na sua vida, em todos os setores dela, os resultados que quer e merece?!

O que você tem a perder?! Ou melhor, o que você tem a ganhar?!

Se sempre perdeu, que tal mudar?!

Mudando você ainda pode não ganhar, mas já é um grande passo.

Você já terá um novo enfoque sobre você. As pessoas já terão uma nova visão sobre você.

Pense nisto.

Mas pense bem, pois você e todas as suas relações dependem disto, afinal estamos no mundo e cada atitude nossa tem um impacto positivo na vida de milhares, milhões, ou até mesmo bilhões de pessoas ao redor do mundo. A internet nos proporciona isso.

Antes da internet o impacto era menor e pouco conhecido pelos outros, mas hoje em dia, não. Hoje em dia, a internet maximizou de modo tal este efeito que, dependendo da atitude e contra quem for, isso poderá deflagar uma guerra, várias mortes….

Pense nisto…

O mundo é muito mais “ligado”, “conectado”, e constituído por esta “conexão de pessoas” do que possamos imaginar.

Você , com a sua atitude, pode mudar o mundo, para melhor, se as suas idéias e ações contribuírem para que as pessoas sejam melhores, ou para pior, se as contribuições forem devastadoras, avassaladoras no sentido de “destruir” as pessoas tanto fisicamente como emocionalmente.

Lembre-se, nós que optamos por qual impacto as nossas atitudes terão: positivo ou negativo!!! Pense nisto!!!

*A Janela de Johari nada mais é do que uma  ferramenta conceitual criada  por Joseph Luft e Harrington Ingham em 1955 e tem como objetivo auxiliar no entendimento da comunicação interpessoal e nos relacionamentos em grupo. A palavra Johari tem origem na composição dos prenomes dos seus criadores : Jo(seph) e Hari(Harrington) – Wikipédia (Internet).

Lúcia Marli de Souza é paulistana, formada em administração de empresas, pós-graduada em gestão bancária, palestrante, empresária, Life, Professional, Business Coach, CEO da Luma’s Coach, apresentadora do quadro “Coaching na prática by Luma’s Coach” no programa Inova360 da Rede Record News.